Sara Winter
15 de setembro de 2017
Deserto Vivo em PDF
18 de setembro de 2017
Mostrar tudo

Conselho de Santa Zélia ao irmão

Ao guiar o irmão – ainda mundano – na escolha de uma esposa lhe deu este sábio conselho:

“…Tu procuras apenas coisas fúteis: beleza, fortuna, sem considerar as qualidades que fazem a felicidade de um marido ou os defeitos que causam sua desolação e ruína. Sabes que nem tudo que brilha é ouro. O principal é procurar uma boa moça, do lar, que não tenha medo de sujar as mãos no trabalho e não goste da moda senão na medida do necessário, que saiba educar os filhos no trabalho e na piedade. Uma tal mulher te assustaria. Não é assás brilhante aos olhos do mundo. Mas os rapazes sensatos a preferem sem nada do que outra com cinquenta mil francos de dote e que não tivesse essas qualidades”.[1]